quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Não gosto de fretes nem de falsidade. Que sentido faz eu ir a um jantar de ano com pessoas que não suporto e que só aturo na faculdade porque tem de ser? Para chegar lá e fazer de conta que somos muito amiguinhos e que gostamos muito uns dos outros quando eu sei que estão mortinhos porque eu me embebede e revele alguma verdade sordida da minha vida ou cometa alguma loucura, memorável ao ponto de terem conversa para uns dias?

Não, não gosto de falsidade.

10 comentários:

lu de lúcia disse...

fogo, nem eu gosto disso! pena não teres um bom grupo nesse jantar do ano.
e aquela frase diz tudo para mim. TUDO!

lu de lúcia disse...

tenho saudades de te ter por cá. espero que estejas boa!

Nix disse...

Nem eu! -.-

lu de lúcia disse...

como lá diz: ao momento mais marcante da minha vida. eu sei que não podes vir mais!

secret smile disse...

Ora aí está o motivo pelo qual nunca vou ao jantar de Natal da empresa onde trabalho! Embora ninguém compreenda, e sou a anti-social e não sei mais quantos, para mim não faz sentido aquele momento fofo em que somos todos amiguinhos só porque é Natal, quando nos outros dias do ano anda meio mundo a ver se lixa o outro meio!!! -.-

Leonora disse...

Obrigada!!

Natural.Origin disse...

Não gostas de falsidade...
( Ainda bem )
*

Miss disse...

Falo por experiência! Já tentei e não correu nada bem

XL disse...

MAs é essa a piada dos jantares de curso. Os embebedam-se e começam a dizer/fazer disparates e coisas parvas :)

Closet & Beauty disse...

Exatamente o que eu penso! Nunca fui a nenhum jantar de turma da faculdade, era só hipócritas. As pessoas com quem me dava bem, partilhavam da minha opinião e portanto, também não iam...